"No Egito as bibliotecas eram chamadas Tesouro dos remédios da alma. De fato é nelas que se cura a ignorância, a mais perigosa das enfermidades e a origem de todas as outras.”

(Jacques Bossuet).

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Técnicas de persuasão e lavagem cerebral utilizadas pelas igrejas

lavagem

Compartilho com vocês excertos de um texto do psicólogo Dick Sutphen porque é de importância crucial para as pessoas conhecerem o que fazem com elas para assim poderem sair gradativamente da hipnose coletiva em que vivem ou como dizem alguns: da Matrix.

"Conversão" é um eufemismo para "lavagem cerebral". Qualquer estudo sobre o assunto tem necessariamente de mencionar algo sobre a Renovação Cristã na América do século XVIII. Em 1735, Jonathan Edwards descobriu as técnicas por acidente durante uma cruzada religiosa em Northampton, Massachusetts. Percebeu que induzindo culpa e tensão, os "pecadores" presentes sucumbiam e submetiam-se completamente aos seus comandos.

As técnicas estão sendo utilizadas ainda hoje na Renovação Cristã, mas também em cultos, treinamentos de potencial humano, reuniões de negócios e inclusive no Exército dos Estados Unidos, para não mencionar o resto. A meu ver, a maioria dos pregadores não sabe que está usando técnicas de lavagem cerebral. Edwards, no caso, simplesmente tropeçou numa que realmente funcionava, outros a copiaram, e ela continuou sendo copiada por mais de duzentos anos. Quanto mais sofisticados nosso conhecimento e tecnologia ficam, mais eficiente a conversão. Acredito fortemente que essa é uma das principais causas do aumento no fundamentalismo cristão, especialmente na sua versão televisionada, enquanto a maioria das religiões ortodoxas está definhando.

Os Cristãos podem ter sido os primeiros a utilizar com sucesso a lavagem cerebral, mas nós temos que nos voltar a Pavlov, o cientista russo, para obtermos uma explicação científica. No começo do século XX, seus estudos com animais abriram a porta para investigações em humanos. Depois da Revolução Russa, Lênin percebeu rapidamente as aplicações potenciais da pesquisa de Pavlov. Três estados distintos e progressivos de inibição transmarginal foram identificados por Pavlov. O primeiro é a fase equivalente, em que o cérebro dá idêntica resposta a estímulos fortes ou fracos. O segundo é a fase paradoxal, nela o cérebro responde mais intensamente aos estímulos fortes que aos fracos. O terceiro é a fase ultraparadoxal, onde padrões de respostas e comportamentos condicionados invertem-se de positivo para negativo ou vice-versa. Progressivamente, através de cada fase, o grau de conversão torna-se maior. Os meios para alcançá-la são muitos e extremamente variados, mas o primeiro passo a ser dado, tanto para a lavagem cerebral religiosa quanto política, é enfocar e trabalhar nas emoções do indivíduo ou grupo até que isso produza níveis anormais de raiva, medo, excitação ou tensão. Como conseqüência, essa condição impede o discernimento claro e aumenta a sugestionabilidade. Quanto mais esse estado for mantido ou intensificado, mais crescem seus efeitos. Uma vez atingida a catarse, ou "primeira fase mental", a manipulação torna-se mais fácil, e assim as programações mentais preexistentes podem ser substituídas por novos padrões de comportamento e pensamento.

... táticas de conversão e hipnose são duas coisas distintas, e as de conversão são muito mais potentes. Entretanto, normalmente as duas se encontram misturadas, mas com grandes resultados.

Como Agem os Pregadores

Apenas vá a alguma igreja e sente-se entre o meio e o fundo (preferencialmente no terceiro quarto). Alguma música repetitiva será tocada enquanto as pessoas organizam-se para começar a cerimônia. Essas músicas repetitivas, com batidas idealmente oscilando entre 45 a 72 por minuto (um ritmo próximo ao do coração humano), são muito hipnóticas e podem gerar estados alterados de consciência em uma alta porcentagem dos indivíduos, mesmo que mantenham os olhos abertos. Uma vez que as ondas cerebrais alfa sejam predominantes, você torna-se no mínimo 25 vezes mais sugestionável do que no estado beta de consciência. A música sendo a mesma para todos os eventos realizados pela igreja, ou ao menos possuindo a mesma batida, vai induzir um estado mental alterado quase imediatamente. Subconscientemente, o cérebro relembra-se de sua última experiência e responde entrando em transe automaticamente. Observe as pessoas aguardando o início da cerimônia. Muitas vão exibir sinais externos de transe: corpos relaxados e olhos levemente dilatados. Normalmente, enquanto estão sentadas em suas cadeiras, começam a balançar suas mãos no ar para frente e para trás. Abrindo o evento, provavelmente aparecerá o pastor-assistente, que costuma ser muito bem treinado na técnica da "voz cadenciada".

Após induzir um estado alterado de consciência, passam a ter como objetivo gerar excitação e expectativa na audiência. Comumente virá um grupo de jovens mulheres em vestidos "angelicais e puros" para cantar. Músicas Gospel são ótimas para gerar excitação e envolvimento. No meio da canção alguma delas pode ser "acometida por um espírito" e cair no chão, ou reagir como se estivesse sendo possuída pelo Espírito Santo. Isso aumenta muito eficientemente a tensão no ambiente. Nessa situação, táticas de conversão e hipnose estão sendo misturadas e, como resultado, a audiência está totalmente absorta. O ambiente vai tornando-se cada vez mais e mais tenso. Exatamente neste momento, quando o estado mental alfa foi atingido, passarão com a "cestinha de coleta". Ao fundo da igreja o pastor assistente com sua "Voz Cadenciada" provavelmente estará incitando os presentes dizendo – sempre cerca de 45 vezes por minuto – algo do tipo: "Dê a Deus... Dê a Deus... Dê a Deus... Dê a Deus...", e a audiência obedece.

A seguir aparece o pregador "fogo e enxofre" induzindo medo e tensão, falando sobre o "demônio", "ir para o inferno" ou a "proximidade do fim do mundo". No último encontro desse tipo em que fui, o pregador falava que em breve haveria apenas sangue saindo de todas as torneiras da Terra. Ele também era obcecado com o "machado sangrento do divino", que todos haviam "visto" na semana passada pendurado acima do púlpito. Não tenho dúvida de que todos o viram, o poder da sugestão aplicado a centenas de pessoas em hipnose assegura que ao menos 10 a 25 por cento delas veria qualquer coisa que ele dissesse estar lá. Na maioria desses encontros, após o "testemunho ocular", segue-se um sermão predominantemente baseado no medo. As pessoas da audiência virão ao palco para contar suas histórias. "Eu era aleijado e agora posso andar!", "Eu tinha artrite e agora ela se foi!". É um tipo de manipulação psicológica que realmente funciona. Depois de ouvir numerosos casos de curas milagrosas, as pessoas normais na platéia com problemas simples estarão convictas de que podem se curar. O lugar está carregado de medo, culpa, excitação e expectativas.

Primeira Técnica

Esteja alerta caso uma dessas organizações ofereça sessões de "manutenção" após o curso principal. Podem ser encontros semanais ou novos cursos lecionados periodicamente. Tentarão convencê-lo a participar dessa "manutenção" para manter controle sobre seus "aprendizes". Assim como souberam os Renovadores Cristãos, eles também sabem que para haver sucesso em manipulações de longo prazo é imprescindível que existam sessões de "manutenção" posteriores à conversão.

Segunda Técnica

Outra evidência de que táticas de conversão estão sendo utilizadas são as "atividades" que causam fadiga física e/ou mental. Consegue-se isso normalmente ao deixar os participantes tão ocupados por longos períodos de tempo que não têm tempo para refletir ou pensar sobre o que estão fazendo/ouvindo.

Terceira Técnica

Essa categoria, dizendo de modo simples, engloba todas as técnicas usadas para aumentar a tensão no ambiente.

Quarta Técnica

Insegurança. Eu poderia passar horas descrevendo várias técnicas usadas para gerar insegurança. A maioria dos participantes tem grande receio de que seus "treinadores" o coloquem no centro das atenções frente ao grupo. Uma das práticas mais comuns é levar os participantes a relatar seus segredos íntimos, e normalmente também são constrangidos a participar de atividades que enfatizem a "remoção de suas máscaras". Em um desses cursos, colocava-se um participante num palco de frente a todos os outros enquanto era verbalmente atacado pelos seus instrutores. Uma pesquisa feita alguns anos atrás mostrou que a fobia mais comum entre as pessoas é falar em público. Boa parte sucumbe, mas a maioria enfrenta essas situações de estresse extremo simplesmente "fugindo" mentalmente. Eles literalmente entram em alfa, o que os torna automaticamente muito mais sugestionáveis do que normalmente seriam. Essa situação representa mais um passo no caminho da conversão.

Quinta Técnica

Um outro traço típico é o uso de jargões ou neologismos que apenas tenham significado aos participantes do curso. Linguagem capciosa, depravada e/ou confusa também é usada propositalmente para causar constrangimento.

Sexta Técnica

Mais um sintoma do uso das técnicas de conversão é evitar o humor, ao menos até serem convertidos. Após isso, o divertimento e humor são altamente visados por serem símbolos da nova "felicidade" que os participantes supostamente teriam encontrado.

Tenho plena convicção de que pelo menos um terço da população mundial se enquadra no perfil que Eric Hoffer denomina "Crentes Cegos". São literalmente seguidores cegos, pessoas que querem livrar-se de seu poder. Elas procuram por respostas, significados e iluminação em coisas externas a si mesmas. Hoffer diz em seu livro "O Crente Cego" (um clássico sobre o assunto) que "essas pessoas não pretendem conseguir fortalecimento ou auto-afirmação, mas apenas fugir de si mesmas, dando o controle de suas vidas a outrem. São seguidoras não porque procuram auto-superação, mas, na verdade, porque anseiam a auto-renúncia.

Fonte: Dick Sutphen. Psychologie und Landmark Education. Tradutor: André Díspore Cancian.

Como deu para ver é um assunto sério e perigoso. Pessoas convertidas por essas técnicas deixam mais ainda de pensar com a própria cabeça do que o restante da humanidade, têm muito mais dificuldade para desenvolver a consciência. A persuasão e a lavagem cerebral são a razão de existirem fanáticos tanto políticos como religiosos. E o pior é que tais pessoas não têm a mínima idéia de que o são, quando confrontadas reagem veementemente contra a denominação de fanáticas, como também não se dão conta de que sofreram lavagem cerebral.

Imagem: investigacoessud.blogspot.com

Este blog foi criado para você, leitor. E só saberei se você está satisfeito se comentar os posts, ou então, pergunte, questione e sugira temas ou modificações.

72 comentários:

Mary Miranda disse...

Que texto, minha amiga!!!!

Atena, querida, lendo esse artigo lembrei muito daquele outro, o "Efeito Lúcifer" (bem que poderia ser um dos ítens "luciferianos" naquele tratado fabuloso!).
A "lavagem cerebral" é algo tão esvaziador do ser, que eu poderia dizer que mais da metade dos "lavados", nunca mais voltam de seu estado letárgico mental! (Por isso a importância de nem começar o processo).
Uma vez, um amigo meu que é pastor(!), me contou a verdade do processo das muitas congregações religiosas, ele que é um dos poucos com quem se pode conversar sobre qualquer religião, sem preconceito doutrinário.
Explicou-me ele sobre o método "grito", aquele que é tanta voz junta e alta, que o "candidato à lavagem" mal consegue ouvir seu próprio pensamento, e quando no final o líder pergunta (alto, mas bem inteligivel)se a pessoa concorda, meio tonta diz que sim. As muitas que concordam são presas fáceis para manipulação.
Esse meu amigo (diz ele) não apela para métodos conspurcadores de alma, incentivando a leitura da Bíblia e o debate (calmo) sobre as linhas escritas.
Como bem está escrito no post, dá para se conversar sobre o assunto por horas, mas não quero me estender.
Para fecahr eu diria o seguinte: devemos sempre usar o bom senso em qualquer situação, enquanto ainda temos um!...

Beijos, amiga!

Seus artigos são "parada obrigatória", de tão bons que são!!!!

Mary:)

Luísa L. disse...

Espetacular esta explicação, Atena. Sobre algumas técnicas eu já tinha lido, mas nunca tinha lido sobre como as experiências de Pavlov tinham influência no controle das massas. Mas faz todo o sentido.

Logo que possa vou divulgar este artigo no meu blog, se me deres licença.

Abraços!

Vera Alvarenga ... disse...

Atena minha amiga, incrível isto!
Muitas vezes a gente fala sôbre "lavagem cerebral", mas ler o que neste post se explica sobre como isto é feito, é incrível.
Sabe o que gosto de ver e ouvir em alguns filmes? Quando as pessoas cantam durante seus cultos. Gosto muito de ouvir alguns corais cantando músicas na véspera de Natal, nos shoppings e outros lugares públicos. É impressionante que o estado de "bem estar" em que as pessoas ficam ao ouvir e cantar, seja usado para benefício /interesse próprio, de modo calculado e frio. É como se quisessem roubar nossa alma, porque nos deixamos levar pela ingenuidade ou pelos efeitos da arte que nos eleva o espírito! (Sacanagem!) Muito sério isto.
Eu usava música nas sessões de relaxamento, para "induzir" a pessoa a um relaxamento de modo a que ela pudesse entrar em contato consigo mesma, recuperar sua energia, ser cada vez mais dona de si mesma.Em outra sessão, trabalhávamos o estar presente e consciente do próprio corpo. A intenção era devolver-lhe saúde,bem estar e consciência de si.De qualquer modo, é um assunto delicado este e parece que as "descobertas científicas" nem sempre serão usadas para o benefício da humanidade.
Beijos, Vera.

Atena disse...

Mary:
Embora seja muito difícil, os “lavados” podem voltam ao estado normal. Quando estudamos sobre Pavlov e condicionamento na Faculdade a gente aprende que é mais difícil “descondicionar” do que condicionar.
Achei ótima a denominação “método do grito”. rsrs É isso mesmo que a gente vê em algumas igrejas. Chega a dar pena.
Eu já conversei com vários crentes,(tenho até alguns parentes) e por mais que use a lógica e o bom senso, eles só sabem contradizer com citações da Bíblia. Por fim eu desisto porque sei que sofreram lavagem cerebral e não vão ser só algumas palavras que vão descondicioná-los.
É um caso sério isso! As vezes penso que esses “pastores de almas” deveriam ser presos.
Agradeço o incentivo e beijos carinhosos procê

Atena disse...

Sim, Luisa. Toda lavagem cerebral ou técnicas de persuasão são condicionamentos e o velho Pavlov foi o descobridor do tema.
Você já sabe que pode usar e abusar dos textos encontrados aqui. rsrs
Grande abraço

Blogueiros do Brasil disse...

Orgulhosamente programei uma 'chamada' para este ótimo artigo no novo site dos Blogueiros do Brasil. O post será publicado dia 19/01/12 às 12h .


Abraços cordiais.

Anônimo disse...

por acaso cheguei aqui e gostei. vou ler com mais atenção e comentarei novamente
um abraço
maria

Valéria Braz disse...

Atena amiga... adorei!
Já fui a muitos lugares de diferentes religiões que se entregam a esta fuga da responsabilidade de si mesmo!
E sabe que sempre quando falam que não são fanáticos eles estão certos, porque acreditam realmente naquilo que falam....heheheh
Eu também sempre acreditei que esta fé cega em justificar tudo o que acontece de ruim como sendo castigo, como uma forma de fugir a suas próprias decisões erradas, afinal é mais fácil conviver com o erro se a culpa estiver além do emu domínio... assim culpa-se a alguém ou alguma coisa!
Somos vulneráveis por natureza, e quando perdemos a coragem de olhar no espelho somos mais suscetíveis ainda a manipulação!
Beijo no coração

Álvaro disse...

Interessante postura e abordagem dum tema 'cansado de velho', mas que continua bem actual, talvez, mais actual que nunca, pois estes são de facto os tempos de nos livrarmos de todas essas 'trelas'.
Um Bem Haja.
Álvaro Barria Maio

Beth Muniz disse...

Oi Mestra,
Foi longe hem?! Pavlov...
Considerado um dos mais "brilhantes" cientistas da Revolução de 1917. Li pouco sobre ele, mas senti os efeitos na pele no início da minha iniciação política. Só não revelo quando e nem onde... rsrs
E por isso te pergunto: Não há a técnica da repetição das palavras?
Agora, esta sexta técnica eu já havia percebido. Terrível!
Gostei demais. Aprendi muito.
Obrigada.
Um beijão.

Atena disse...

Vera:
Sim, o assunto é sério, daí a minha decisão de postá-lo para esclarecer quem quiser ser esclarecido, pelo menos.
Pelo que disse, você usou da música como coadjuvante para o relaxamento com uma atitude ética: para maior conscientização dos envolvidos. Aí não há condicionamento ou lavagem cerebral.
Quanto às descobertas científicas, já faz muito tempo que a humanidade as usa ou em proveito próprio ou para fins escuso. Não é novidade. A única solução é o ser humano desenvolver a consciência quando então não incorrerá em atitudes antiéticas nem maldosas.
Beijos e obrigada

Atena disse...

Tiozão:
Obrigadíssima pelo apoio.
abraços

Atena disse...

Maria:
Seja muito bem vinda.
abraços

Atena disse...

Valeria:
Acertou em cheio em tudo que disse. rsrs Já postei aqui no blog sobre esse escapismo bem humano de culpar o exterior, os outros, a sorte, etc. É mais fácil, mas a longo prazo só traz problemas para quem assim o faz.
Ah, os fanáticos nunca acham que o são e é impossível dialogar com eles usando-se a razão.
Eu é que agradeço sua participação.
beijos

Atena disse...

Álvaro:
Sim, o assunto é velho e atual ao mesmo tempo. Espero que estes novos tempos tragam mudanças nas velhas mentalidades e crenças.
Obrigada pela visita e seja sempre bem vindo

Atena disse...

Beth:
As técnicas de persuasão, tipo lavagem cerebral, foram muito usadas após a instalação do comunismo tanto pelos russos como pelos chineses. Nada de terrorífico aí rsrs porque os americanos capitalistas também as usaram e ainda usam. Na realidade, muitas organizações e pessoas as usam. Depois que surgiu a PNL, piorou mais ainda.
A repetição de palavras também é uma técnica usada. Eu a uso comigo mesma quando alguma coisa está difícil de entrar na minha cabeça dura. rsrs
Beijos e obrigada a você

UNIMARI.PB disse...

O texto é bastante interessante, porém, como não entendo muita coisa sobre hipnoso e lavagem cerebral nunca percebi se essas tecnicas são realmente usadas, até porque, acho esse tipo de culto estremamente "enganoso" e não costumo assistir.
Sou cristão católico e tenho muita independência em minhas opiniões, inclusive não concordo com muitas opiniões tanto da Igraja Católica como das Protestantes, mas gostei muito do artigo. Parabéns!

Atena disse...

Unimari:
parece que pensa com a própria cabeça, o que já faz de você uma exceção. Parabéns.
Obrigada pela visita e seja bem vindo

Anônimo disse...

Oi. Estou passando para lhe dar os parabéns pelo blogg!!
Adorei.


Evandro

Atena disse...

Anônimo:
Seja bem vindo e agradecida por suas palavras.
Volte sempre

Jackie Freitas disse...

Atena, minha linda!
Adoro suas postagens e só lamento não vir aqui mais vezes. Voltei a trabalhar e, como diz meu marido, me desenferrujando...rsrs... e te confesso que tenho estado tão exausta que só tenho olhos para a minha cama e travesseiro! rsrs..
Mas, como nada acontece por acaso, hoje decidi vir aqui te ver e me deparei com esse texto sensacional! Passei alguns bons meses tentando curar minha mãe dessa lavagem cerebral. Estou chegando lá e o que posso te dizer é que estou reencontrando uma pessoa que está se libertando dos tóxicos que entram na mente, se instalam e passam a comandar (e mudar) toda uma vida.
Essa indústria que tenta converter pessoas de bem em fanáticos inanimados me assusta muito! E o pior de tudo é que o mundo de hoje garante a sobrevivência daqueles que usam o nome de Deus para engordar suas contas bancárias.
Gostaria que esse seu post servisse como alerta e, quem sabe, um antídoto contra o mal da lavagem cerebral...
Agora vou dormir...rsrs
Grande beijo, querida! Desculpe-me por não estar mais tão presente!
Jackie

Atena disse...

Querida Jackie::
Imaginei que algo tinha acontecido para explicar teu “desaparecimento”. Certamente, após um dia de trabalho o sonho de cada vivente é um bom banho e uma boa cama. rsrs
Que lástima sua mãe ter sido vítima dessas práticas escusas., mas ninguém está livre, pelo menos enquanto não tiver desenvolvido a consciência.
Disse bem ao usar a palavra tóxico. Realmente muito do que algumas igrejas embutem na cabeça dos crentes é lixo tóxico mental que torna as pessoas totalmente imunes ao bom senso e à lógica. Ainda bem que sua mãe tem você para esclarecê-la.
Já faz algum tempo que também me encontro assustada com o crescimento de crentes produzidos por essa indústria espúria. Estamos atravessando um tempo muito difícil e conturbado, pessoas se sentindo perdidas e propício para que alguns se aproveitem das fragilidades e carências dos demais.
Obrigada pela visita e grande beijo

Cidadão Araçatuba disse...

Menina excelente! Conheço pessoas assim. De fala meiga, doce onde a vida anda tudo bem... Deus quis, Deus quer, Deus não quis, etc...
Excelente texto, obrigado por compartilhar!
Abração!

Atena disse...

Cidadão:
Pois é, né? Eu também conheço. rsrs
A gente fica sem saber se ri ou chora. tsk tsk
abração procê também

Jose Sidney Pereira disse...

Oi Atena,

O que consola é que em toda a Europa culta, as religiões definham, e a população em geral adota uma crença mais universalista. Um Deus sim, mas que de menos palpite já que pouco ajuda. Não são aceitos charlatões, em forma de líderes religiosos, por lá como o são aqui.

Mas... e esse mas é que mata, se enfiam em políticas racistas e direitistas. Excluem os imigrantes de seus planos, tratam outros povos como escórias e bárbaros. A mesma ladainha das religiões: são os eleitos. Apenas se guiam por outra bússola.

Tenho esperança num Brasil, por exemplo, com um pouco mais de cultura e educação para as crianças, que consiga o sincretismo religioso baiano também na política e sociologia. Resumindo, que esculhambe com a rigidez, intolerância e inflexibilidade do pensamento. De novo, minha luta pela Razão Emocionada rs

Na verdade, boa parte da vida, cri veementemente que de veríamos desenvolver o nosso senso crítico ao máximo. Questionar tudo. Nada poderia ser aceito por ser comodo, apenas. Mas, como passar do tempo, percebi que isso só criaria verdadeiros Espíritos de Porco rs. Sabe aquela cara que faz protesto até contra o horário de verão? Então...

Não sou educador. Mas, suspeito que as escolas dariam um grande salto de qualidade se mostrassem às nossas crianças que o maior objeto de questionamento de crítica e análise deve ser o próprio Eu. Que as crianças questionem tudo, partindo do questionarem em princípio a si próprias. Descobrirem a motivação da crítica, do pensamento. E daí sim, questionarem o Além de Si.

Quem tem a capacidade de questionar as próprias escolhas está imune às influências. Se salva até de si próprio. E, se não se transformar num ser humano melhor, no mínimo, vai rir muito de si mesmo. O que já será um alívio para o mundo. De mal humorados, já bastam o Pastores Alucinados do Horário Nobre rs

Esse texto é um verdadeiro manual de como muitas coisas funcionam. Mas... eu já fui a diversas. E sai ileso. Porque sabia o que era pulsar de coração, o que era frustração alheia.

Beijos

Atena disse...

José:
Como eu, você é um sonhador... rsrs
Sempre fui e ainda sou questionadora. Não acho que desenvolver o senso crítico e o questionamento crie “espíritos de porco”. Pessoas que assim o são é porque não questionam primeiramente a si próprios, com um verdadeiro senso crítico de autoanálise. Bom, grande parte da humanidade não costuma olhar para o próprio umbigo, então ... é isso o que a gente encontra por aí.
Eu também sonho com ver uma educação mais realista, progressista e mais centrada no ser humano. Talvez meus netos a conhecerão porque por enquanto não vejo muitas perspectivas.
A crença cega, com certeza, é também falta de questionamento e me dá muita pena dessas pessoas que são assim.
Acho que você é um companheiro no “rir de si mesmo”, não é? Eu rio muito de mim, das minhas mancadas, às vezes das minhas “certezas” que de repente vem abaixo... Considero um bom começo para expandir a consciência - rir de si mesmo. rsrs
Obrigada pela visita e brilhante comentário

Anônimo disse...

Sou crente das escrituras da Biblia, e tenho Deus como meu Ídolo e Jesus como Heroi. Os ensinamentos de Jesus é para qualquer tempo, basta interpreta-los corretamente. Posso ler o mesmo ensinamento e períodos diferentes e terão para mim, um significado de acordo com o momento em que estou, vivendo.
Quanto a Hipnose, minha companheira, sofre de depressão e bipolaridade a Igreja da qual frequenta, usa desta técnica de ipnose e conseguiu entrar na mente dela mais fácil. Participo com ela dos Cultos e percebi, que utilizam desta técnica para conversão, usam muito os louvores, a música, a pregação com utilização de caixas de som, falando muito alto, com a voz como se estivesse chorando e com o corpo se movimentando e gesticulando muito, como se estivesse representando uma peça teatral. Basta ser um pouco equilibrado e ter dicernimento das coisas para perceber. Estou tentando reverter este processo de ipnose, mas não sei como fazer isso.Cada vez que entro neste assunto ela me fala que não vou de coração aberto, mas sempre com espírito crítico e não aceita minhas argumentações.

Um abraço!

Atena disse...

Anônimo:
Pessoas com problemas psicológicos caem mais facilmente nessas armadilhas das igrejas, pois os pastores ou ministros dizem-lhes que a fé, Jesus etc. curam. Até existem casos de curas, mas o que mais se vê são casos em que os sintomas desaparecem por um tempo e depois voltam.
Leia este post para sua companheira para que ela entenda o que estão fazendo com ela e procure mais informações no Google para mostrar-lhe. Só o conhecimento livra as pessoas disso.
Faz bem em ter Jesus como herói, ele foi um grande mestre.
abraços

Lucas Filho disse...

Olá Atena,

Acho que generaliza o seu texto e também deixa de lado os benefícios do processo.

Nem todos os pastores usam destas técnicas, pelo simples fato de que 95% destes não tem formação em psicologia ou algo que o valha. Se fores conversar com alguns pastores e outros que pregam nas igrejas, perceberá que até mesmo pecam no português. Então como explicar que estes - sem estudo algum, simplesmente incorporam uma peça teatral de técnicas que são aprendidas nas universidades? Se disser que isto ocorre por acaso, então o diploma de um psicólogo não valerá nada já que um qualquer, usa de técnicas aprendidas por 05 anos em cursos superiores.

Outro fator importante - e não mencionado por você em seu texto, é que, hipnotizados ou não, muitos deixam as suas vidas de transgressões. Na igreja que frequento - Canaã-Fortaleza-Ceará, há um senhor que era traficante. Ciente da lei, mandava o seu filho matar quem ele desejava. O motivo, seu filho tinha 15 anos, desta forma, não seria preso.
Certo dia, este senhor entra na igreja, escuta uma única vez o sermão, chora inconsolavelmente e decide deixar a sua vida de crimes. Me aponte um psicólogo que em 02 horas mudaria a vida de uma pessoa assim.

O que dizer então de pessoas que vieram doentes e pela FÉ/ autosugestão, refazem os exames e tem um laudo que indica não haver mais a doença? Se isto então é possível pela hipnose/ lavagem cerebral, então estes - pastores inescrupulosos, estão servindo de ajuda para diversas pessoas.

Nem todos os pastores são assim. A maioria dos televangelistas se preocupam com a teologia da prosperidade e pregam a felicidade da vida através do dinheiro. Mas temos também, pastores sérios que viajam sertões a dentro, entram na cracolândia, sobem morros cariocas com uma Bíblia embaixo do braço e pregam o evangelho. E conseguem, ao seu modo, resultados únicos.

A lavagem cerebral se apresenta também nos big-brothers da vida. Programas policiais. Filmes pornôs. Comerciais de TV, enfim, vivemos sendo manipulados. O que acontece conosco depois disso? Nos tornamos pessoas melhores ou piores? Cabe a cada um de nós procurar o que nos faz feliz e não sair apedrejando a felicidade dos outros.

Lucas Filho
http://revistaevangelico.blogspot.com

Histórias de traíras disse...

Apesar dos detalhes, querer imputar tal prática como normalidade em meio evangélico, nada mais é do que preconceito. Os evangélicos no Brasil somam aos milhões e querer que estão "induzidos" a ser e crer por causa das "táticas" psicologicas, é ignorar o poder transformador do evangelho de Cristo, aliás! Jesus seria um manipulador, porque ao término de um dos seus sermões, os que foram enviados para prende-lo, voltaram dizendo aos seus superiores: "Nunca homem nenhum falou como ele", no que o autor do evangelho resume: Porque pregava com autoridade.

Atena disse...

Lucas:
Acredito que nem todos os pastores utilizem essas técnicas, mas não porque não estejam capacitados por não possuir um curso superior. Se você leu o texto com atenção deve ter percebido que o autor diz: “Em 1735, Jonathan Edwards descobriu as técnicas por acidente” e depois ... foi copiado por outros . Já vi políticos quase iletrados que sabem muito bem utilizar-se da lavagem cerebral. Isso não é matéria de Universidades ou de cursos de Psicologia.
Conforme o autor: “A meu ver, a maioria dos pregadores não sabe que está usando técnicas de lavagem cerebral”, é algo que lhes é ensinado por alguém superior na sua congregação ou que eles descobrem na prática.

Sei perfeitamente que há muitos casos de regeneração de indivíduos drogados e até marginais. Ponto positivo para as igrejas.

Também tenho conhecimento dos inumeráveis casos de cura por autossugestão, seja nas igrejas evangélicas, nos terreiros de Umbanda ou em casas espíritas. Alguém já disse que a fé move montanhas. A fé, não as igrejas.

O texto aqui, como digo no início, serve para informar e refletir e não para apedrejar a felicidade de ninguém. Se na igreja que você frequenta não existe esse tipo de manipulação, ótimo. E se você está feliz com sua igreja, ótimo também. Cada um deve procurar seguir o que o coração manda, mas não esquecendo que como seres racionais temos a obrigação de usar a massa cinzenta para evitar a manipulação, seja esta de igrejas, de políticos ou da TV.

Atena disse...

Sou profundamente apaixonada pelo mestre Jesus, ninguém como ele deixou tanto ensinamento bom que contribui para engrandecer o ser humano. Pena que as palavras dele foram deturpadas, mal interpretadas e distorcidas nas muitas interpretações realizadas pelos apóstolos (seres iletrados e ignorantes) e nas tantas traduções que houve da bíblia.

Se religião fosse uma coisa boa, Jesus teria criado uma, mas não, ele ensinou pelo exemplo e exortou os homens a fazer mais e melhor do que ele.

Neste blog não existe preconceito com religiões, mas sim o objetivo de esclarecer, estimular a reflexão e o desenvolvimento da consciência. Quem tem mente aberta consegue mais facilmente, os demais ...

will disse...

na verdade tenho certeza, que você e essa gente toda que sofreram uma lavagem cerebral, tantas linhas, tantas palavras, generalizou demais, pra mim, meio quilo de besteira, perca menos seu tempo.

Atena disse...

Will:
Fico realmente penalizada por você não ter entendido o que leu.
Talvez o seu pastor não se utilize destas técnicas, mas muitos outros o fazem.
Procure ler outros livros além da bíblia e quem sabe começará a abrir sua mente. Sempre é tempo.

Stellamaris disse...

Estou estarrecida com tanto preconceito camuflado de teorias e pseudo-cultura. Felizmente nem todos os psicólogos tem a sua opinião, conheço excelentes profissionais nessa área. Inclusive minha filha faz faculdade de Psicologia. Em palavras revestidas de veneno e inverdades, nós que fazemos parte de um grupo que cresce a cada dia, somos indiretamente taxados de alienados e loucos. Já que você faz questão de querer comprovar suas ideias absurdas com explicações infundadas me responda: Alguém que passou por uma lavagem cerebral, pode exercer funções como de juízes, desembargadores, professores universitários e várias outras de destaque na sociedade? Fiz questão de citar essas, porque obrigatoriamente dependem de aprovação em concurso público. Sem querer legislar em causa própria, fui submetida a dois concursos públicos e graças a Deus obtive aprovação em ambos. Também fui aprovada em vestibular, concluí graduação e pós-graduação. Será que uma mente condicionada por efeitos de religiões, estaria apta a conseguir tais coisas? Reveja urgentemente seus conceitos, livre-se dos seus preconceitos. Isso sim deve ser um tormento diário.

Atena disse...

Stellamaris:
Sinto decepcioná-la, mas qualquer um que tenha sofrido lavagem cerebral de cunho religioso pode sim se salientar em qualquer profissão. O cérebro humano é plástico e uma estupenda criação da Divindade, portanto parece-me que ele cria “caixinhas” separadas para estocar suas informações e com isso não havendo trocas entre elas. Somente uma pessoa que tenha desenvolvido bastante a consciência é capaz de reunir todas as informações que tem e usar o critério e bom senso em suas avaliações.
As religiões não afetam a capacidade cognitiva das pessoas (pelo menos não de todas), elas afetam o comportamento e principalmente a autoestima, o que é o mais perigoso para o psiquismo.
Leia o post “Diferenças entre religião e espiritualidade” http://expandiraconsciencia.blogspot.com.br/2011/01/diferencas-entre-religiao-e.html que entenderá melhor a minha posição.

Vanderléia disse...

Oi... gostaria de saber , se essas pessoas que praticam esses tipos de "lavagem cerebral" podem ser processados por danos morais, por trazerem agonia, pertubação, síndrome do pânico, esquizofrenia... sofri alguns desses danos gerados por pessoas assim... o que deve ser feito para que essas pessoas possam ser punidas por esses atos? Isso é algo que pode ser levado a Justiça, você não concorda?

Atena disse...

Vanderléia:
Não conheço a lei o suficiente para opinar, mas concordo com você que tais pessoas deveriam ser processadas. Pergunte a algum advogado se isso é possível.
Obrigada pela visita e abraços

s.rodrigues disse...

Oi Atena1
vou procurar esse livro, Crente Cego, parece ser muito interessante.
Lendo esse texto, fiquei pensando que nasci com algum "defeito de fabricação"...rsrsr
Minha mãe, muito católica, ficava doida comigo e minhas perguntas durante as missas. Depois foi a professora de catecismo. Na adolescência, comecei a pensar que não era possível todo mundo estar errado e eu certa, então comecei a estudar tudo sobre religião em que pudesse por as mãos; frequentei praticamente todas as denominações, tentei algumas outras alternativas. Depois, já casada, pelo marido, fiz mais algumas tentativas. O resultado foi sempre o mesmo: não consigo me envolver em nada dos rituais e fico o tempo todo analisando o padre/pastor/pregador e tudo o que ele fala; analisando as pessoas e como agem. Por fim, cheguei a um acordo comigo mesma. Não é necessário dividir as pessoas e suas crenças ou a falta delas em certas e erradas. Para mim, o critério é a necessidade. De entender o mundo, de tentar entender a si mesmo, de lidar com os medos naturais da vida, com o medo da morte, com as questões sobre de onde viemos, como viemos, para onde vamos.
Pode parecer uma espécie de alienação minha (provavelmente seja..rsrs)mas, fundamentalmente, para mim, basta saber que estou aqui, estou viva, um dia morro e acabei-me. Acho fascinante pensar a respeito dessas questões e estudar sobre elas, mas mais como um exercício intelectual, ou para formular minhas filosofias de bolso, como as chamo. Claro, admito a possibilidade de, quando estiver próxima do fim, mudar radicalmente.
O conceito de Deus para mim nunca fez sentido, não se aplica a nenhuma lógica ao meu alcance, e isso magoa muito minha mãe, ela acha que falhou comigo e se preocupa horrores com o julgamento divino. Meu e dela.
Não sou do tipo que fica patrulhando quem segue uma fé, mas fico doida com quem manipula as pessoas de forma descarada. Até ler esse texto, ficava doida também com quem se deixava manipular, mas já estou reformulando meu entendimento disso.

Um abração!

Atena disse...

S.Rodrigues:
Minha busca pelas respostas de onde viemos, o que fazemos aqui e para onde vamos começou na adolescência.
Também fui criada na religião católica e frequentei colégio católico por seis anos. Uma das piores coisas que aconteceram na minha vida, pois me encheu a cabeça de culpas. Posteriormente, com psicoterapia, me livrei delas. Conto um pouco da minha história na minha primeira postagem: Primeira página.
Também pesquisei várias religiões e nenhuma me convenceu. Comecei a ter um vislumbre das verdades espirituais quando entrei para a Ordem Rosacruz.
Hoje tenho muita certeza da existência de uma energia maior que criou tudo o que há, mas está longe de ser parecido com o deus das escrituras e/ou das religiões.
Aceito os ateus numa boa, mas os crentes já me dão alergia. rsrs Não suporto fanatismo nem falta de lógica. Eles só sabem argumentar citando passagens bíblicas. Aff!
Se quiser saber um pouco sobre o que considero “deus” leia o post História da Criação que a Matrix não conta, (ago/2010). Ta uma descrição bem divertida...
beijos

Anônimo disse...

e sem perceberem jah estao sofrendo outra lavagem cerebral.... agora vc falaram desse assunto para outros e outros e quando menos esperarem!
outra vez estaram entrando na ilusao d outra pessoa...
pensando ke nw pode estar errado oke diz!
mas d onde tiraram tudo isso!?
conseguem imaginar!?
ou jah foi feita a lavagem cerebral em vcs ke agora sao incapazes d imaginar e achar a resposta correta!?
estao me entendendo!?

Atena disse...

É, seu comentário está um pouco difícil de entender.
Este blog é de alguém de extrema lucidez, portanto dificilmente vai deixar-se sofrer lavagem cerebral.
O crucial aqui é reflexão com mente aberta para entender bem o texto.

Alguém disse...

Picasso e Fernando Pessoa abandonaram a Fé Católica, mas mesmo assim lembravam comovidos de certos elementos do ritual e da arte religiosa. Muitas pessoas abandonam a Fé Católica, mas ainda se lembram comovidas de certas coisas e experiências. Mas pela minha experiencia pessoal eu percebo que no meio "evangélico" não é isso que acontece: quando a pessoa abandona essas igrejas fica como se tivesse acordado de um sonho, nem consegue entender como fez e acreditou em certas coisas, nem sente saudade de nada do tempo que era escravo de Edir Macedo, por exemplo.

Atena disse...

Alguém;
Infelizmente sempre houve e há fanatismos religiosos. Os católicos já passaram por esta fase. Felizmente a igreja católico evoluiu muito, embora ainda precise de algumas adequações ao século 21. Atualmente são os evangélicos que estão precisando evoluir.
Obrigada pela participação e seja bem vindo/a.

digao40 disse...

Olá! Gostei muito deste blog. O que não concordo nas igrejas cristãs sejam católicas e evangélicas é a repressão sexual que é aplicado nos membros, dizendo que o sexo é somente abençoado dentro do casamento, fora dele é uma prática suja, ou seja, pecado segundo eles.

Na verdade falar sobre esse assunto é muito polêmico, pois se tem muitas interpretações, mas quanto a mim, considero o ato sexual muito prazerosa com aquela pessoa a quem amamos convivemos quer esteja casado no papel ou não.

Casar para ter relação sexual é um exagero, talvez algum sacerdote me mostre referências bíblicas, mas como sabemos a bíblia foi escrita em outras épocas e percebemos então como muitas coisas no mundo mudaram, ou seja, evoluíram, menos a nossa maneira de pensar. Infelizmente a igreja está muito atrasada nessa questão.

Atena disse...

Olá, digao40:
Como não temos registros da nossa antiguíssima história fica difícil dizer como ou onde começou essa crença de que o sexo sem ser para procriar é uma coisa suja.
Talvez tenha sido uma consequência dos exageros ocorridos lá atrás. Na bíblia encontramos passagens que mostram excessos na área sexual. Aí alguém resolveu decretar que sexo fora do casamento era pecado com a intenção de conter os excessos.
Agora, com certeza foi algo inventado pelo homem, assim como as religiões. Não precisamos delas para chegar ao Criador.
Obrigada pela visita e seja bem vindo

Anônimo disse...

Atena a deusa da sabedoria, irônico não? Bem, em uma resposta acima você declarou não ter conhecimento suficiente na área de Diireito para dizer se essas supostas manipulações podem ser processadas na justiça ou não. Agora, que respaldo TEOLÓGICO você tem para "condenar" a LITURGIA de uma Igreja evangélica, talvez você desconheça os princípios da TEOLOGIA e Edwards quando pregou "pecadores diante de um Deus Irado", levou e ainda leva milhões até Cristo. Persuasão é a mesma coisa que você tem usado (ou será Lavagem cerebral) em sua psicologia ineficiente. Digo assim pois voces consultam as pessoas e enchem elas de psicotrópicos para esquecerem seus problemas e acabam tornando-as escravas de drogas "controladas" ou você vai me dizer que não são os psicólogos que receitam esses remédios?

Atena disse...

Anônimo:
Em primeiro lugar o texto não é meu, portanto não necessito do tal respaldo teológico.
Em segundo lugar, psicólogos NÃO podem receitar remédios. Os que o fazem são os psiquiatras. Aqueles que estudaram medicina. Entendeu?
Por último, devo dizer-lhe que sinto pena de quem crê em um Deus irado. O Criador no qual creio é um ser de amor e absolutamente não tem características humanas como a ira.

Anônimo disse...

Tudo o que está escrito aqui é a mais pura verdade. Os evangelicos, protestantes, crentes e sei lá mais o que, passaram por lavagem cerebral, é só assim pra poder seguir esses falsos profetas, por quem tá olhando de fora não consegue acreditar por que esses coitados foram cair nessa "armadilha". São todos coitados, e ainda treinados para rebater a qualquer dúvida ou questão de qualquer pessoa que venha a falar algo sobre sua religião. Minha irmã é outra coitada, caiu nessa e tá dificil de resgatá-la. Obrigada pelo texto, ele explica claramente sobre o assunto.

Atena disse...

Anônimo:
Fico contente que o texto tenha servido para seu esclarecimento. Para ser sincera, também tenho pena dos iludidos, mas também sei que é muito difícil eles se libertarem.
Obrigada pela visita e seja sempre bem vindo

Anônimo disse...

Primeiramente, gostaria de parabenizar o texto. É muito esclarecedor a respeito desses 'cristãos' e consegue tirar dúvidas sobre o que acontece nessas igrejas. Confesso que me deixou aliviado.

Agora gostaria de pedir uma ajuda. Tenho um familiar muito próximo que foi diagnosticado com epilipsia. Com os remedios, essa pessoa não teve mais transtornos, até essa semana, que tentou se matar varias vezes e disse que lucifer que estava em seu corpo. Eu fiquei assustadissimo, mas mantive minha mente firme. Agora os pais dessa pessoa estão levando ela para uma igreja beira de esquina e ainda retirou os seus remedios dizendo que essa pessoa não tem nada e que deus vai cura-la. Estou desesperado, pois eles não me ouvem e, alem do mais, minha familia acha que tambem estou com o dibo.

E fico com medo dela estar nesse lugar e, com todas essas tecninas e artimanhas que fazem encima dela, ela caia (como já o fez); para quem tem epilipsia, cada ataque é uma parte do cerebro que é danificada.

Gostaria que pudessem me ajudar a, não sei ao certo, enviar energias para essa pessoa ou algo do tipo.
Mesmo que eu não consiga nada, fica o meu relato sobre a ignorância que esses cultos proporcionam.

Tenho muito fé que ela vai se livrar disso, mesmo que eu posso ajudar somente a distância.
Obrigado.

Atena disse...

Anônimo:
Até eu fiquei preocupada com essa pessoa. Sem medicação ela corre risco de vida.
Não há possibilidade de você levá-la ao neurologista para fazer um eletrocardiograma? Assim você poderá mostrar aos pais o que ela realmente tem. Exames não mentem e tampouco mostram "o diabo".
Procure conversar com a paciente e esclarecê-la.
Desejo-lhe sorte.
abraços

Joel disse...

Mentira. Primeiro que a descrição feita nesse texto a respeito das técnicas evangélicas foram exageradas e, em até certo ponto, romantizou a realidade obscura encontrada nessas igrejinhas. Após fazer isso, quem digitou o texto conseguiu uma certa cumplicidade com o leitor, do tipo: você, que é livre, consegue enxergar essas atrocidades psíquicas criadas pelos pastores super inteligentes e malvados. Pronto! Quem leu e se identificou com a sagacidade de quem escreveu o texto (texto do blog) passou de um mero alguém para uma pessoa diferenciada que consegue perceber essas enganações maléficas religiosa. Aposto que várias pessoas se sentiram, em até certo ponto, "especiais". Meio bizarro esses momentos em que as pessoas ficam cheias de ego hehehe. Essa técnica de lavagem cerebral está muito além da realidade das igrejas evangélicas. Voz cadenciada? Músicas sempre em um mesmo ritmo? Os religiosos evangélicos estão longe de possuir esse tipo de ferramenta, e se possuem aplicam de uma maneira porca. Duvidam? Vá em uma igreja, vejam por vocês mesmo. A maioria dos pastores são pessoas simples, com pouca instrução e se apegam a um livro como manual de prática ou estilo de vida. Com isso, várias pessoas que se dizem fiéis compartilham de interesses e conveniências em comum. Esses fiéis se sentem especiais e esclarecidos, como várias pessoas que leram esse texto (não o meu, o do blog) se sentiram. Ah sim, estamos em uma outra realidade não é mesmo. Não é qualquer texto que vai nos fazer sentir a parte da maioria das pessoas que estão perdidas nesse mundo louco, não é mesmo! Né?? Ou não? hehehe!!!

Atena disse...

Joel:
Confesso que não sei o que lhe dizer como resposta devido à inadequação de seu arrazoado.
Realmente estamos vivendo num mundo louco onde não há mais nem discernimento para compreensão e análise de um texto.
Sinto muito mesmo.

Anônimo disse...

Ao ler seu texto estou quase certa que isso está acontecendo com o meu filho, lembro que ele citou a palavra Matrix e não dei valor, lembrei apenas que era o nome de um filme; Ele ouviu esta palavra no primeiro dia, agora está isolado e ao me visitar, seu comportamento está estranho.

Atena disse...

Anônimo:
Não sei se você é um pai ou uma mãe, mas certamente ama seu filho, então procure conversar com ele (sem críticas) para saber o que está lhe acontecendo.
Se ele está manifestando um comportamento estranho, quanto mais cedo houver uma intervenção, melhor.
Obrigada pela visita e boa sorte

Rosh disse...

Eu achei sensacional! Parabéns....
adorei muito.... :)

Atena disse...

Rosh:
Que bom que gostou.
Obrigada pela visita e volte sempre.

ANA LIA disse...

ADOREI SUAS PALAVRAS E PAVLOV, ENTAO...QUERO RELATAR QUE TENTARAM, POR 03 VEZES, FAZER LAVAGEM CEREBRAL EM MIM...SOU CATÓLICA, MAS RESPEITO TODOS OS CRISTÃOS E OS QUEM FAZEM O BEM, E FUI VÍTIMA DE ACUSAÇÕES CONTRA MARIA, JESUS E DISSERAM MUITO MAIS COISAS AINDA...RESPONDI DIZENDO QUE O QUE IMPORTA É FAZERMOS O BEM EM PROL DE ALGO MAIOR...DEPOIS, CHEGUEI EM CASA E CHOREI MUITO POR TODO O OCORRIDO. ESSE É O MEU RELATO!

Atena disse...

Ana Lia:
Que lástima que aconteceu isso a você, mas espero que após ter lido o texto tenha ficado mais fácil entender o que houve e não pensar mais no assunto, tipo, xô coisa ruim. rsrs
Obrigada apela visita e seja bem vinda

Anônimo disse...

bom dia, eu um dia frequentava uma igreja católica(não critico nenhuma crença), e a última vez que estive em uma missa o padre abriu a Bíblia (o que normalmente não é de costume em um igreja católica alo isto por que eu era praticante desde criança)no livro de êxodo capitulo 20 e leu sobre os dez mandamentos, em fim eu tenho ouvidos mente e penso e pelo que esta escrito do versículo 3 ao seis ficou muito claro para mim que ali não era o meu lugar e não precisou ninguém me explicar nada, e por decisão minha hoje eu sigo a Jesus lendo a Bília, já vi pessoas sendo curadas, famílias restauradas pelo Poder do nome do Senhor Jesus, no livro de João capitulo 10 versículo 10 deixa muito claro apenas leia atena e por favor não me entenda mal pois, eu não estou fazendo uma critica a sua postagem nem condeno ela, pelo contrario me chamou a atenção, por isto postei o que eu creio de mim mesmo da Palavra de Deus e não da boca de outros, nuito obrigado por eu poder postar aqui.

Atena disse...

Anônimo:
Apesar da bíblia conter muitas deturpações, ainda contém coisas boas, como o que você citou.
Jesus foi um grande mestre e deixou muitas palavras sábias à humanidade. Abençoada seja você por seguir os ensinamentos dele.
Seja sempre bem-vinda

Anônimo disse...

Eu de novo atena, rsrs, então só para constar e eu sei e ja ouvi que muitos falam que Jesus foi um grande mestre, mas na verdade ainda é, pois Ele vive a direta do Pai, e de acordo com a Sua palavra Ela volata para buscar a sua noiva(igreja, que são os que verdadeiramente o buscam em espirito e em verdade)e eu creio que se fosse voltar hoje eu iria com Ela. Mt24,27
"Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem."
Tenham um bom dia em nome do Senhor JESUS!

Atena disse...

Anônimo:
Bem, eu não tenho a mesma crença que você, portanto não acredito na volta de Jesus, talvez sim, na volta do Cristo(que é uma função cósmica).
De qualquer forma Jesus trouxe um exemplo a ser seguido.
sds

Anônimo disse...

Bom dia Atena,
você diz que não acredita na volta de Jesus, até ai tudo bem ninguém é obrigado a acreditar em tudo certo?
mas você diz que acredita na volta de Cristo né? de onde você conheceu Cristo? eu só conheço um lugar de onde possamos conhecer sobre Cristo que é a Bíblia, e nela o próprio Jesus se declara Cristo em Mt 16.13 ao 16, então como Cristo é uma função cósmica que de acordo com o dicionario português não existe função cósmica?

Atena disse...

Anônimo:
Bem, esses assuntos transcendentais são difíceis de por em palavras. O Cristo seria um conceito de caráter divino significando, mais ou menos, o amor incondicional. Jesus foi um representante desse amor.
A bíblia, por ter sido escrita muito tempo depois da vinda de Jesus e por pessoas ignorantes, traz muitas distorções e também muitas invenções.
É comum dizer Jesus Cristo, como se Cristo fosse um sobrenome, quando deveria ser dito Jesus, O Cristo, ou seja, aquele que porta ou carrega o amor crístico.
Ninguém pode afirmar que Jesus disse que voltaria baseando-se no livro da bíblia e se ele disse algo sobre volta seria em relação ao Cristo que pode habitar o coração de qualquer pessoa.
Considero a bíblia um livro que tem partes boas para elevar o espírito, mas que decididamente não contém a verdade absoluta.

Anônimo disse...

olá atena bom dia!
bom para continuar nossa conversa que para mim esta muito boa, eu particularmente estou gostando bastante de conversar com você sobre a bíblia, enfim na biblia Jesus disse " Eu sou o caminho a verdade e a vida e ninguém vem ao Pai a não ser por mim" Cristo é aquele que porta a entrada ao acesso direto ao Pai(Deus), e em outro versiculo Jesus pergunta aos seus dicipulos."13 E, chegando Jesus às partes de Cesaréia de Filipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem?
14 E eles disseram: Uns, João o Batista; outros, Elias; e outros, Jeremias, ou um dos profetas.
15 Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou?
16 E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.
17 E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus.
18 Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela." MT capitulo 16.13 ao 18.
tudo o que eu aprendi através da bíblia me leva a viver uma vida digna de honra, e eu aprendo cada vez mais sempre que busco diariamente lendo a bíblia, mas enfim eu mais uma vez agradeço a seu blog por eu poder expressar meus pensamentos.( e por favor não me leve a mal não estou aqui para criar nenhuma discussão mas para apenas postar o que eu penso.)
até!

Atena disse...

Anônimo:
Está tudo bem, jamais discutiríamos porque este é um assunto de fé e fé não se discute.
Como já disse, a bíblia tem lá seu valor e se lhe traz conforto e também bons pensamentos e atos, continue sua leitura.

Anônimo disse...

Genial! Simplesmente genial!

Essas religiões são a maior forma de controle que a elite Illuminati tem utilizado durante milênios para escravidão mental humana.

Como David Icke diria: Se você deseja controlar uma grande quantidade de pessoas, você tem que desconectá-las do verdadeiro conhecimento de quem elas realmente são, para manifestar o seu próprio destino e controlar suas próprias vidas. Você tem que convencê-las de que elas são insignificantes, pecadoras e impotentes, assim elas viverão as suas vidas de acordo com isso. É por isso que a religião tem sido uma das armas mais efetivas da Illuminati. Ela enche as pessoas de medo de um "Deus" vingativo e diz que a menos que eles acreditem que a "verdade" de tudo pode ser achado dentro um livro ou sistema de crença, eles irão para inferno ou então experimentarão outras conseqüências extremamente desagradáveis.

Atena disse...

Anônimo:
Excelente resumo. Disse tudo.
Eu fico muito penalizada com a falta de consciência das pessoas, mas se foi isso que elas escolheram pra si, nada podemos fazer. Aos poucos, com aqueles que atualmente estão despertando, a situação vai mudar para melhor, embora ainda vá levar talvez um século. Snif.
Obrigada pela visita e seja bem-vindo

VITIMA RECENTE disse...

REALMENTE, CONHECO UMA SEITA TRAVESTIDA DE IGREJA CRISTA, QUE USAM ESSAS TECNICAS DO GRITO, DA CULPA, E DA LIBERTACAO, ELES TEM PESSOAS QUE SE INTITULAM MINISTROS QUE ACOMPANHAM OS RECEM CHEGADOS, VAO AOS POUCOS ENSINANDO E EXIGINDO POSTURAS REGRAS, ETC. ELES TEM ESCOLAS PARTICULARES DELES PARA DOUTRINAREM AS CRIANCAS DESDE PEQUENOS, ESSA SEITA E COMANDADA POR UMA SRA CHAMADA VOVO JAINNE. O QUAL ELES IDOLATRAM TODOS QUEREM IR AO ESTADOS UNIDOS P/ VELA E CONVERSAR COM ELA, DIZ QUE OUVE E VE DEUS, OS TOLINHOS ACREDITAM NISSO, ELA E COMPLETAMENTE LOUCA LA NOS EUS/CAROLINA DO NORTE E AQUI NO BRASIL POR UM AMERICANO MAIS LOUCO AINDA CHAMADO JHON ESSA SEITA CHAMA-SE VERBO VIVO EM SAO JOAQUIM DE BICAS EM MG, E TEM AFILIADAS EM FRANCO DA ROCHA COM O NOME DE I.C. RHEMA, LOCALIZADO NO JD DOS LAGOS, ESSA SEITA SEQUESTRA A MENTE DAS PESSOAS SEPARAM CASAIS E FAMILIAS, COMETEM ABUSOS EM CRIANCAS NO SENTIDO DE AMEACAR QUE O SATANAS VAI LEVAR SUA ALMA, VOCE VAI P/ O INFERNO, GRITAM NO OUVIDO DAS CRIANCAS E ADULTOS SOCAM BALANCAM DAO TAPAS, ETC, E TERRIVEL ELES MODIFICARAM POR CONTA PROPRIA VARIAS PASSAGENS DA BIBLIA NORMAL E FIZARAM SUA PRORPIA BIBLIA A QUAL CHAMAM DE AMPLIFICADA, ELES TERM EMPRESAS LIGADAS A SEITA ENTRE ELAS RESTAURANTE EM CAIEIRAS CHAMADO BOM GOSTO, FABRICA DE QUADROS CHAMADO STILO FINO, SERRALHERIA COM O MESMO NOME, ETC. MUITOS CASAIS E FAMILIAS SE SEPARARAM POR CONTA DESSA SEITA DIABOLICA. TEM REPORTAGENS COMPLETA NO YOU TUB, ESTAO SENDO PROCESSADOS PELA JUSTICA.

Atena disse...

Realmente, sua informação é chocante. O sucesso dessas seitas está sentado na ignorância das pessoas e na grande carência de soluções para seus problemas. É lamentável.
Obrigada pela visita e volte sempre