"No Egito as bibliotecas eram chamadas Tesouro dos remédios da alma. De fato é nelas que se cura a ignorância, a mais perigosa das enfermidades e a origem de todas as outras.”

(Jacques Bossuet).

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Você se sente ofendido quando…

Samurai2

Samurai3

Há muitos anos li alguns livros que desencadearam o primeiro dos “turning points” da minha vida: Os livros de Carlos Castaneda.

Cito aqui um trecho que tem a ver com o que o samurai disse. Palavras do índio Dom Juan:

“Aprendemos a pensar sobre tudo e depois exercitamos nossos olhos para olharem como pensamos a respeito das coisas que olhamos. Olhamos para nós mesmos já pensando que somos importantes. E, por isso, temos de sentir-nos importantes!”

Na sua linguagem simples, Dom Juan está dizendo que o mundo que nos rodeia é fruto de nossa mente e de nossas percepções. A partir de nossas percepções tomamos decisões, sentimos emoções e fazemos escolhas sobre tudo, absolutamente tudo.

Como o ser humano é carente de uma boa auto-estima, compensa isso com a sensação de importância – falsa – porque se fosse genuína não se sentiria afetado ou ofendido pelo que os outros lhe dizem de negativo.

Tornar-se inatingível ao que os outros nos dizem é difícil, mas perfeitamente possível através de treinamento. Aliás, toda mudança é possível com treinamento. Lembram quando eram bebês e começaram a usar talheres? No início , um desastre, comida mais no chão do que na boca, mas depois tornamo-nos experts. Tudo ou quase tudo é treinável.

Lembrem das palavras do samurai e não se deixem afetar pelo raivoso, invejoso ou insultuoso! Ele também se acha tão importante que acha que pode destruir você.

12 comentários:

Isa Medeiros disse...

É verdade, nossa paz e nossa felicidade dependem muito mais de nós mesmos do que dos outros. O problema também é que as crianças são educadas para serem dependentes afetivamente de outras pessoas, e isso só se agrava com o passar do tempo. Beijos.

Atena disse...

Que prazer tê-lo por aqui.
Essa dependência da qual você fala faz parte da Matrix em que vivemos. Cabe a nós, os "fora da gaiola" irmos conscientizando para aos poucos nos livrarmos dela.
bjs

Luciana disse...

Mais um post legal!! Isso também é verdadeiro.Ru costumo ver essas situações que me deixam ofendida como dicas para ver o que há de desaemonioso em mim.


Comecei a Fazer isso com o pathwork. srsrs

Ahh, Atena de uma alhada no meu blog tá cheo de novidades lá.

Luciana disse...

Mais um post legal!!!

Depois que comecei no pathwork eu costumo ver esses momentos em que me sinto ofendida como dicas das minhas desarminias unternas. Tenho crescido muito assim.

De uma olhada no meu blog. Tem muitas novidades lá.

R149 3o75s disse...

Oi,Atena.Sabe aquelas pessoas que dizem que não levam desaforo pra casa,né? Então... respondendo "à altura" quem as ofende, mal sabem elas que levam pra casa, muito mais que desaforos;aceitam o veneno do outro e misturam com aquele que elas mesmo têm.Levam o (des) carimbado na testa e o "aforado" a tira-colo: O "anima tragédias" e o "mau bocado", elas próprias. Aforado...será isso sinônimo de "out",daquilo que "tá por fora"? Ou será "aquilo" que vai por aí sem rumo? rs!
1 abraço pra vc.

Atena disse...

Florzinha:
parabéns, é isso mesmo. buscar dentro de si a resposta.
Irei visitá-la, sim.
beijos

Atena disse...

Radi;
parece que o número dos que não levam desaforo pra casa está aumentando. Agora até quem dá encontrão em outra pessoa acaba levando chumbo de uma terceira.
As novas energias estão pegando em cheio os que não estão preparados.
beijão

Luciana disse...

Não entendi,

Então a Nova energia deixa as pessoas nervosas? Achei que essa nova energia tivesse efeito benefico...

Atena disse...

Florzinha:
As energias que estão chegando ao planeta são altamente benéficas para: quem tem amor no coração por si próprio e pelos demais; para os que investem em sua espiritualidade; para os que se trabalham internamente; etc. Para os raivosos, intolerantes, criminosos, hipócritas; com problemas emocionais e/ou psicológicos; etc. essas energias potencializam o que as pessoas sentem. Você pode notar que o mundo está cada vez mais violento e esta é a razão.
Entendido agora? Você está no grupo dos preparados.

Luciana disse...

Entendi sim. Mas me diz uma coisa. é possível que eu esteja nos dois grupos? Sei que parece contraditorio mas vou explicar.

Eu sempre tive certas questões emocionais para resolver. E agora eu as esou resolvendo atraves do pathwork.

Mas eu tentava ignorar isso. Até que por volta de 2007 tudo se potencializou e eme vi obrigada a fazer alguma coisa para resolver essas questões.

Mas aklgumas coisas começaram a acontecer. Eu encontrei uma migo que me ajuda. Até fiz um poema dedicado a ele, o valor da semente, no meu blog. Depois entrei no pathwork.

Então acho que no meu caso essa potencialização agravou meus problemas e me "obrigou" a caminhar para resolve-los.

Atena disse...

Florzinha:
Antes de começar o Pathwork você estava sim no rol dos desajustados e está correta com sua dedução. As energias chegadas a empurraram a se tratar. Que bom, né?
abçs

Marcio Alves disse...

ATENA

Realmente, tudo irá depender de como vemos as coisas....e o jeito como vemos as coisas, revela que nós somos.

Abraços